Como Saber a qual Orixá eu Pertenço?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Como Saber a qual Orixá eu Pertenço? No caso, o correto seria afirmar que existe um desejo de saber “qual seu orixá de cabeça”. Muitos locais prometem dizer isso através de uma consulta, ou através da data de nascimento, signo, numerologia, porém, isso é praticamente impossível, e mais a frente da matéria diremos o por quê.

Certo é que os Orixás são representações de forças da naturezas, e nós temos o erro de humanizá-los demais, os imaginando como pessoas, contudo, tanto essa visão quanto a crença de que basta identificar quais desses seres poderosos nos regem é algo muito superficial e infundado, segundo as próprias religiões que os cultuam.

1 – Data de Nascimento

Descobrir o Orixá de cabeça pela data de nascimento através da religião isso não é possível. Geralmente, quem procura por isso na Umbanda ou Candomblé, vai encontrar somente dados de Astrologia misturados a uma energia dos Orixás, contudo, para encontrar essa resposta, existe todo um caminho a ser estudado e aprofundado na cultura.

2 – Como saber Orixá de cabeça

Esse é ponto chave que mais desperta discussões e curiosidades nas pessoas que buscam conhecer um pouco tanto sobre a Umbanda quanto sobre o Candomblé. Contudo, a resposta para a pergunta “Como saber de que Santo sou filho?” não é tão simples assim de ser respondida.

Quando vemos análises de signos, datas e numerologia que te apontam como filhos de um Orixá, estes podem até puxar algumas peculiaridades que remetem aos aspectos desses seres, contudo, a precisam sobre qual o que rege de verdade a sua vida é impossível de determinar com dados demasiadamente superficiais.

Pessoas praticantes tanto da Umbanda quanto do Candomblé podem identificar em você alguma característica típica de algum Orixá e até sentirem uma energia mais propensa a algum deles, mas nunca darão certeza com dados somente de convivência, conversas nem em um jogo de Búzios por meio de uma consulta convencional.

Nesse sentido, qualquer Orixá pode nos ajudar, não necessariamente apenas o de cabeça, porém, carregamos conosco traços marcantes dos que estão em nossa linha de frente. Em algumas tradições, não é somente um Orixá que é o principal em nossa vida, isso quando falamos de auxilio direto, na maioria das religiões afro-brasileiras são três os principais responsáveis por uma pessoa:

  • O Orixá de frente: mais conhecido de todos, é o que todos conhecem como Orixá de cabeça e do qual nos denominamos como filhos.
  • O Orixá Junto: esse segundo ajuda a mantermos nosso equilíbrio, nos levando ao melhor caminho.
  • O Orixá Ancestral: esse é um Orixá fixo, não muda nunca em nenhuma de nossas vidas.
qual o orixa eu pertenco
Como Saber a qual Orixá eu Pertenço?

3 – Como saber meu Orixá de cabeça na Umbanda

Nesse caso, um pai ou mãe de santo podem observar qual é a presença energética mais forte em você, mas somente através do autoconhecimento e o fortalecimento da espiritualidade irão te mostrar com precisão qual seu Pai ou Mãe de cabeça. Logo, ninguém melhor do que você mesmo para sentir a presença da vibração que vai te dominar e te guiar, pois apenas olhando para o mais profundo do seu ser, você conseguirá observar o seu verdadeiro instinto que te impulsiona e que fará teu coração bater mais forte, no caso, sua verdadeira essência espiritual.

4 – Como saber meu Orixá de cabeça no Candomblé

Do mesmo jeito na Umbanda, a afirmação do Orixá vem somente quando se faz a cabeça. É óbvio que a Mãe ou Pai de Santo podem ver, através dos Búzios, o Orixá que está na sua frente naquele momento, mas como dito antes, temos diversos Orixás nos protegendo e guiando, e quando se adentra mais a religião, é possível se surpreender ao descobrir que quem regia aquele seu momento não é o mesmo Orixá que é o teu pai ou tua mãe.

Assim, se você não tem interesse de participar dessas religiões, mas possui curiosidade de descobrir seu Orixá de cabeça, um jogo de Búzios com um Pai e Mãe de Santo de confiança pode te mostrar uma janela do teu espírito, mas lembrando sempre que essa afirmação nunca poderá ser levada como a verdade absoluta, pois você pode estar sob influência de um Orixá diferente em diversos momentos da sua vida.

Logo, se você deseja descobrir seu Orixá de cabeça, ou Orixá protetor, terá primeiro que compreender esses princípios para não ser enganado por algum representante religioso, lembrando-se sempre da afirmativa: não existe no mundo ninguém capaz de descobrir mais sobre sua vida e sua essência do que você mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *